Empreendedorismo INÍCIO

Marketing De Afiliados – Entenda Como Funciona

O mercado de Marketing de Afiliados é, hoje em dia, um dos mais prósperos em nível mundial.

Com cada vez mais empresas e usuários a trabalharem juntamente em prol de um mesmo objetivo, trabalhar com programas de afiliados tornou-se extremamente fundamental.

Nos Estados Unidos ,esse sistema de vendas online já é conhecido a bastante tempo , sendo que , foi através da Empresa Amazon , quando criou o seu próprio programa de afiliados.

O Mercado de Afiliados é muito importante,tanto para as empresas que pretendem crescer e gerar mais vendas, como para os blogueiros e editores de conteúdos que procuram uma forma mais eficaz de rentabilizar seus sites e gerar mais leitores.

 

Marketing De Afiliados – 3 Partes Fundamentais

marketing de afiliados

 

Esse mercado  possui basicamente 3 partes :

 

Produtor (a)

É  o (a) responsável por criar um produto de qualidade que aborde um determinado assunto , através de cursos, palestras,webnários, mentorias, downloads , etc.

Esse produto é disponibilizado de maneira digital , ou seja, totalmente online , são conhecidos também como infoprodutos.

 

Afiliado (a)

É o (a) responsável por divulgar um ou mais produtos através de sua indicação.

Quando ocorrer uma venda através de sua indicação, ganhará um percentual de comissão, que varia do produto a ser escolhido ;

 

Plataforma de Afiliação

programa de afiliados

 

Essas plataformas serve para intermediar as operações entre produtor, afiliado e cliente final .

Isso ocorre para gerar  maior segurança e rapidez e qualidade no serviço entregue e nas comunicações , se assim forem necessárias.

Existem hoje em dia diversas plataformas de afiliação , sendo que , se destacam atualmente no mercado de produtos digitais são :

Hotmart, Eduzz e Monetizze.

 

Formatos de Programas de Afiliados

 

cpc-cpa-cpl-cpm

 

Atualmente existem diversas nomenclaturas e formatos de programas de afiliados.

Estes formatos diferenciados representam as várias opções que anunciantes.

As empresas têm à sua disposição para monetizarem com mais facilidade o seu público-alvo. Veja abaixo:

  • CPC (Custo por Clique)
  • CPA (Custo por Ação)
  • CPL (Custo por Lead válida)
  • CPM (Custo por Mil Impressões)
  • CPF (Custo por Formulário)
  • CPV (Custo por Venda)

CPC (Custo por Clique)

Neste tipo de programas de afiliados, você é remunerado ao clique.

Ou seja, independentemente do formato de anúncios que você decidir utilizar em seus sites ou blogs (links de texto, banners publicitários, e-mail marketing, etc.)

Você será sempre remunerado de acordo com os cliques que a campanha receber.

Sempre que um usuário clicar num dos seus meios de publicidade, você receberá um valor fixo por clique, que pode variar de anunciante para anunciante.

 

CPA (Custo por Ação)

O custo por ação, também é excelente no Marketing de Afiliados.

E tal como a própria ação, é uma métrica que a própria empresa/anunciante decide e passa para o afiliado, neste caso, você.

Dependendo do tipo de nicho de mercado, a ação poderá ser um cadastro, um depósito em dinheiro, ou uma outra ação qualquer.

Existem campanhas de sites de emprego, por exemplo, que pagam um valor fixo de CPA .

Eles fazem dessa forma para que os afiliados (você) promovam a empresa e consigam usuários para se cadastrarem no site e concorrerem a vagas. Isso seria uma ação.

Para cada usuário cadastrado no site de empregos e indicado por você, você recebe um valor fixo, chamado de CPA.

 

CPL (Custo por Lead Válida)

O CPL é muito idêntico ao CPA, mas com uma pequena diferença: a validação das leads. No CPL, você não é remunerado pela ação, mas sim pelo fato de a ação ser validada.

Um bom exemplo de um programa deste gênero é:

O programa de recrutamento de novos afiliados para plataformas como a UpRise40, Netlucro, Netfilia, Netaffiliation ou a Public-Idées, por exemplo.

 

CPM (Custo por Mil Impressões)

O formato CPM no Marketing de Afiliados é apenas utilizado em banners de publicidade.

E é um valor pago pela empresa/anunciante para cada 1000 impressões que esse banner realiza na sua página.

Para não o confundir facilmente, o número de impressões do banner pode ser facilmente calculado pelo número de pageviews do seu blog.

Sempre que um usuário acessa o seu blog, ele gera 1 (um) pageview e, consequentemente, 1 (uma) impressão do banner publicitário (partindo do princípio de que o banner se encontra visível em todas as páginas. Ex.: barra lateral).

 

CPF (Custo por Formulário)

Tal como o próprio nome indica, o CPF é o Custo por Formulário, ou seja, a ação pretendida ao promover este tipo de programa de afiliados é a inscrição do usuário num determinado formulário.

Geralmente, os valores pagos por CPF são fixos e os formulários poderão ser simples ou complexos.

 

CPV (Custo por Venda)

Os programas de afiliados em CPV têm como base as vendas. São normalmente programas de afiliados de lojas de e-commerce em que o objetivo do blogueiro é converter usuários para comprar produtos numa determinada loja online, independentemente do nicho.

Por norma, os programas de afiliados por CPV pagam um valor percentual (%) sobre as vendas realizadas, ou seja, ao enviar um usuário para a loja de e-commerce, se ele comprar XX produtos, o blogueiro recebe YY% de comissão sobre o valor da compra do usuário.

 

Conclusão

Vantagens  do Marketing de Afiliados 

Se você quer ganhar um dinheiro extra com o Marketing de Afiliados e não quer iniciar seu próprio negócio você pode optar por estes métodos de afiliados como forma de ganhar dinheiro proporcionando a compra de produtos ou serviços de outras empresas.

Inclusive o esse mercado pode ser o ínício para que você possa começar e criar o seu próprio negócio online.

Se você utiliza links diretos no seu blog você também poderá aumentar o seu posicionamento web. Você poderá abarcar muito mais mercado e não terá que se restringir a apenas um.

 

Desvantagens  do Marketing de Afiliados 

Os programas de afiliados requerem muito trabalho ao longo prazo. E também ao longo prazo é complicado manter os mesmos ganhos do princípio e continuar recebendo valores estáveis.

Isso se torna bem mais difícil de se manter, mas através de boas estratégias e um planejamento eficiente você acaba minimizando essas desvantagens.

Espero que você tenha gostado do artigo e até o próximo !

 

Voltar

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

2 Comentários

  1. Marcos Cordeiro disse:

    Tenho certeza de que o marketing de afiliados “facilita” a vida de quem sonha em criar um negócio e escolhe internet.

    É possível criar um agência de marketing com as devidas proporções é lógico.

    Porém se você quer começar no marketing digital, é possível ganhar dinheiro na internet escolhendo produtos no Hotmart e promovendo para seu avatar pré definido.

    Tanto a inscrição quanto a escolha do produto para se afiliar no hotmart são feitos gratuitamente e você ainda recebe uma comissão caso alguém compre o produto que você divulgou.

    Não conheço nenhum negócio sério em que mesmo sem pagar para fazer inscrição, as pessoas ganham quando um produto é vendido.

    • Ideias e Negócios Digitais disse:

      Com certeza Marcos, a melhor opção no momento para iniciar um negócio online é justamente pelo mercado de afiliado.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.